Chapada Diamantina repleta de belezas naturais


No centro da Bahia, a Chapada Diamantina esta em uma região montanhosa, quase todos os dias nascem bacias hidrográficas do Paraguaçu, Jacuípe e Rio de Contas.

A água brota dos cumes, desliza lentamente pela vegetação e despenca em cachoeiras imponentes, formando piscinas naturais incrivelmente transparentes.


A Chapada Diamantina é assim:

Onde quer que você olhe, você se depara com paisagens exuberantes, abençoadas pela mãe natureza.

A Chapada abriga, inúmeras trilhas, cavernas lindamente formadas, uma infinidade de rios e montanhas

Além de comunidades esotéricas e provavelmente alternativas que mostram o lado sustentável do parque.

Por caminhos de pedra, você também encontrará certamente belezas raras,

Como orquídeas multicoloridas e cavernas que ainda não foram exploradas.

A Chapada também convida você a se aventurar por vales e cordilheiras, a cavalo ou de canoa, escalando suas pedras ou contudo pulando de cachoeiras.

A Cachoeira da Fumaça

O terreno também é considerado difícil, com muitas rochas e, dependendo da estação, o sol pode ser perturbador.


Você levará 2 horas provavelmente apenas para chegar à Cachoeira da Fumaça. Nosso conselho: não desanime.

Na chegada, todo o seu cansaço desaparecerá. A fina camada de água que certamente cai através da parede parece dançar com o vento.

O volume é tão grande e a altura, tão grande que a água parece desaparecer antes mesmo de tocar o chão.

Tente ir a uma pedra no meio do penhasco, deitar, e aliás olhar para baixo e apreciar uma das mais belas vistas do passeio

A cachoeira vista de cima, para sentir a paz de todo o lugar, sente-se e simplesmente admire o incrível design do canyon.

Poço Azul na Chapada Diamantina

Sua Viagem esta Próxima

RECEBA NOSSAS PROMOÇÕES
Deixe seu e-mail para receber PROMOÇÕES e NOVIDADES! 95%

Cavernas com poços certamente de água cristalina que, quando a luz do sol passa, revelam águas turquesa indescritíveis que são incríveis de se ver.

É quando você percebe por que o Poço Encantado tem esse nome.

É um exercício instigante para descobrir onde as rochas terminam e a água começa

Neste lugar incrível e bonito, enquanto os raios do sol transformam o Poço Encantado em um espelho no qual as imagens são projetadas do teto.

Mesmo com uma profundidade variando de até 61 metros

É possível ver tudo em seu fundo azul, como rochas e troncos de árvores que estão lá há anos.

Não deixe de entrar contudo em suas águas, a energia é impressionante e a flutuação no Poço Azul será uma das sensações mais agradáveis ​​de sua viagem:

Você será, de fato, mergulhado na essência mais pura que conhecemos como beleza natural.

Caverna Lapa Doce

Considerada a terceira maior caverna do país, a Lapa Doce possui uma trilha incrivelmente bonita e acessível.

Durante a trilha, você terá a companhia de várias árvores frutíferas e flores que deixarão o seu caminho mais colorido.

Uma vez lá, prepare-se para reconhecer formas como um lustre, leão, sapo, anjo e até um presépio nas rochas.

A parte mais incrível da sua viagem será quando o seu guia desligar todas as lanternas e lâmpadas.

Nesse ponto, decerto respire fundo e sinta toda a energia do local. Você sairá de lá renovado.

Gruta da Torrinha (Chapada Diamantina)

Se o assunto é beleza e variedade, você precisa visitar a Gruta da Torrinha.

Em vez de bromélias e orquídeas, você verá canudos de gipsita com até 60 cm de comprimento e flores de aragonita (semelhantes às flores de vidro).

De fato, a segunda maior “flor de vidro” do mundo está na Torrinha.

Essas formações raras a tornam uma das cavernas mais completas da Chapada, considerando a riqueza e a diversidade de seus espeleotemas.

Não deixe de conhecer o famoso e imenso Salão Branco, o maior da Chapada

Além dos raros helictitos com “flores de vidro” na ponta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *